Dicas para abrir sua própria loja de roupas

Abrir uma loja de roupas se tornou uma das opções mais rentáveis para as pessoas. O motivo disso acontecer é pelo fato de que comprar roupas não está ligado somente a necessidade de se vestir, ela está ligada também a personalidade que a pessoa tem.

Além de dizer qual a personalidade que a pessoa tem, as roupas também têm o poder de ditar a apresentação social e expressar, quem sabe, um movimento coletivo de pessoas.

Por esse motivo o mercado de roupas vem se tornando um dos mais fortes da indústria da moda, afinal o empresário pode escolher montar uma loja que vende bolsa para epi ou até mesmo focar em roupas esportivas. As opções são imensas.

Contudo, para empreender nesse segmento é preciso ter um planejamento muito bem elaborado e, acima de tudo, realista com as condições desse mercado.

Inicialmente é preciso pontuar os primeiros passos que você dará para abrir a sua loja de roupas. São eles:

  • Fazer o estudo de mercado;
  • Se formalizar;
  • Definir o público-alvo;
  • Observar a região que a loja ficará;
  • Ter um plano de negócio e gestão;
  • Estar atento na seleção de pessoas para formar a equipe;
  • Procurar o marketing ideal para a loja.

Todos esses pontos acima devem ser pensados antes mesmo de abrir uma loja de roupa. Naturalmente, eles irão te ajudar na grande parte da trajetória da sua loja, principalmente no que diz respeito às vendas.

Após a contextualização do tema, podemos agora entender quais são as principais dicas que fará com que o processo de abrir uma loja de roupas fique ainda mais fácil. No geral, as dicas citadas não se limitam apenas a esse nicho, pode ser utilizada também para abrir uma empresa de telefonia voip ou qualquer outro negócio.

Clique e saiba mais +

1. Estudo de mercado 

Independente do tipo de empresa que você for abrir, um dos primeiros passos a ser dado é pesquisar o mercado em que a sua companhia atuará.

Nessa parte é preciso entender os percentuais de ganho e compreender quais são os pontos altos do setor. É assim que, na prática, uma empresa de portaria terceirizada, por exemplo, consegue atuar no mercado de uma forma mais efetiva do que uma outra companhia que entra no segmento sem realizar os devidos estudos da área.

No Brasil, é muito comum encontrar empresas que fecham antes mesmo de gerarem lucro. Casos como esse acontecem frequentemente pelo fato destes negócios não elaborarem uma base sólida de planejamento.

Por conta desse motivo, vemos a importância de fazer uma pesquisa de mercado para entender a atual situação do segmento. De um ponto de vista mais amplo, não estudar as condições atuais de uma área pode fazer com que uma empresa de aluguel de andaimes, por exemplo, feche as portas sem sequer levantar metade dos lucros esperados.

A pesquisa de mercado também consegue fazer com que o gestor saiba como os seus concorrentes atuam, e, além disso, compreender como os seus clientes se comportam em uma determinada situação.

Dessa forma, pode ser definido desde o capital inicial até as estratégias de marketing para impulsionar o negócio.

2. Formalização

Para você que irá atuar no mercado de roupas como sócio-proprietário de uma loja do segmento, poderá se registrar na categoria de Microempreendedor Individual, mais conhecido como MEI.

Empresas como essa têm exigido taxas muito menores de abertura de negócio se comparado com o registro de empresa.

Caso você for se registrar como MEI, o faturamento máximo da loja anualmente deve ser de até R$ 81 mil.

Se essa não for a sua situação, você pode optar por outros tipos de empresa existentes. Conheça agora as opções:

ME

A Micro Empresa (ou apenas ME) não pode ter um faturamento que passe do limite, que no caso é de até R$ 360 mil anualmente.

EPP

Trata-se de uma Empresa de Pequeno Porte que deve possuir faturamento entre R$ 360 mil e R$ 4,8 milhões por ano.

EI

O EI é o Empreendedor Individual que exerce uma atividade empresarial. Nesse caso, ele pode ter ganhos de R$ 360 mil até R$ 3,6 milhões, e o empresário responde pelos débitos que a empresa fizer enquanto estiver ativa.

EIRELI

O empresário, neste caso, diferencia seus patrimônios pessoais conquistados ao longo da vida com os da empresa. Deve possuir, no mínimo, um capital de R$ 104,5 mil.

3. Defina o seu público-alvo

Para qualquer negócio que você deseja abrir, outro passo importante a ser dado é definir o seu público-alvo, afinal, nada adianta abrir uma empresa de içamento, por exemplo, e focar os esforços de divulgação para pessoas que não possuem o mínimo interesse sobre essa área.

Como o texto está voltado para uma loja de roupas, é preciso entender qual o tipo de roupa que irá atender a persona do seu negócio.

Para auxiliar nessa parte, você pode fazer uma pesquisa sobre os seus futuros clientes para compreender melhor suas características. Por exemplo, imagine uma distribuidora de fibra de vidro que, inicialmente, os gestores promovam uma pesquisa para saber as expectativas do cliente com os serviços prestados.

É preciso pontuar que essas perguntas devem ser feitas estrategicamente. Use questões que façam com que o cliente fale quais marcas ele mais procura no mercado, qual o estilo, suas referências adquiridas através de uma cultura de grupo, e, por fim, qual faixa etária os seus clientes possuem.

Caso você procure atuar em um segmento diferente, o ramo da moda plus size pode ser uma ótima opção. Naturalmente, escolhendo atuar com esse tipo de moda, você vai ter um lucro diferencial do que as demais modas.

4. Estudar a futura região da loja

Analisar a região que você pretende abrir a sua loja está relacionado diretamente em compreender como a concorrência trabalha. Nesse sentido, envolve fatores como conhecer o fluxo de venda e a dimensão dos produtos que são comercializados.

Essa dica é outra que consegue ser aplicada em outros negócios. Isso porque vivemos em um mercado super competitivo, onde pode ser visto uma empresa de filtros industriais em um determinado local, e outra empresa dessa mesma área em uma curta distância. 

Escolher uma área onde predominam grandes lojas pode acabar sendo uma má escolha. No caso, eles trabalham com outro fluxo de negócio, que possui uma movimentação ainda mais intensa. 

Devido a esse tipo de fluxo, a sua loja pode acabar sofrendo com essa concorrência. O ideal a ser feito é escolher áreas onde a procura seja maior que a demanda.

Outro ponto crucial que deve ser levado em consideração é a escolha da localização onde será feita a instalação das estruturas da loja. Conforme for feito o estudo do público-alvo, é imprescindível que o estabelecimento fique em um local onde grande parte dessas pessoas se encontram.

Imagine ter uma assessoria ambiental, sendo que ela está localizada em uma distância considerável entre as principais ruas ou vias que, naturalmente, faz com que haja uma grande circulação de pessoas.

Estudar a forma que a concorrência trabalha pode ser considerada uma maneira de entender alguns pontos que a sua loja pode mudar, ou seja, fazer melhor que a loja concorrente.

5. Desenvolver planos de negócio e gestão

Ter dados concretos sobre como estão os gastos da sua loja é extremamente importante, e o plano de negócios consegue fornecer os dados necessários para compreender esse ponto.

Lucros e possíveis prejuízos também entre como um dos dados levantados pelo plano de negócio, incluindo o investimento inicial que será necessário para abrir a loja de roupas.

É através do plano de negócio que você irá decidir o tamanho da sua loja, os materiais necessários para operar e como serão controlados os processos gerenciais da sua empresa.

Nessa fase de controle, há três opções que podem ser consideradas. A primeira é o controle manual por caderno, segundo são as planilhas, e o terceiro é um sistema de gestão.

Considerando que a tecnologia vem sendo a melhor opção em alguns casos, o mais recomendado a se fazer é utilizar planilhas para ter um gestão mais controlada sobre as peças que entram e saem da sua loja.

6. Recrutamento

A fase de recrutamento deve ser executada com muito cuidado e paciência, afinal os candidatos selecionados irão representar a sua loja. Nessa parte, o mais importante a ser feito é contratar vendedores qualificados e empáticos.

7. Aplique o marketing ideal

Por fim, você pode iniciar o processo de saber qual o marketing que mais combina com o seu negócio. Nessa fase, considere conhecer as estratégias do marketing digital, para entender melhor qual deve ser aplicado no seu negócio.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Marco da Moda

A data oficial de fundação deste blog é dia 28 de fevereiro de 2018.Este sou eu, Marco Macei, fundador deste blog tentando sensualizar, mas não deu muito certo hehe.Espero compartilhar com vocês dicas de produtos que eu uso para cuidar da pele e do cabelo, e também dicas de moda e estilo masculino, como tatuagens, por exemplo e tudo mais do fantástico e fascinante mundo da moda

Exclusivamente para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

onze − dois =

Go up